domingo, 25 de outubro de 2015

Johnny Depp quer comprar terras históricas e devolvê-las para os Índios

25/10/2015                                   15:00


Redação/Rede TV

O ator Johnny Depp anunciou que pretende comprar o campo de batalha "Wounded Knee" e entregar a terra de volta para os índios norte-americanos, que perderam o território em uma batalha em 1890.

Depp disse em entrevista ao jornal The Daily Mail que está disposto a gastar milhões para entreguer o controle dolocal de volta para as pessoas que 'herdaram' a terra. "É um território sagrado e muitas atrocidades foram cometidas contra os [índios] Sioux ali", disse o ator. 


"Esta terra é tão importante para a cultura Sioux e tudo o que eu quero fazer é comprá-la e devolver para eles. Por que o governo não faz isso?"

O massacre de índios em Wounded Knee foi a última batalha dos conflitos indígenas. Estimativas colocam o número de nativos mortos entre 150, entre eles crianças e mulheres.










quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Vice presidente Alexandre Arévalos e presidente do Conselho Municipal dos Direitos dos Índios participam de apresentação de trabalho e debates com acadêmicos de pedagogia da Funlec

19/10/2015                            19:00


Por; Sander Barbosa Pereira


Atendendo ao convite do acadêmico Rodolfo o Vice presidente da Associação de Moradores da Comunidade Indígena  Água Bonita Alexandre Arévalos palestrou aos acadêmicos do curso de pedagogia IESF FUNLEC da disciplina  Educação e Formação para as Questões Étnicas Raciais com a orientação de professora Adriana.


Vice presidente da comunidade Indígena Água Bonita Alexandre Arévalos
Em sua fala  o Vice Presidente abordou a parte cultural como o modo de vida dos nossos antepassados aos tempos atuais, disse  aos acadêmicos a importância das rezas para o povo indígena assim como as danças, “ dependendo da força da reza é possível evocar o chamamento de alguma espécie a presença dos presentes neste ritual ”.


Presidente do CMDDI Sander Barbosa e Alexandre Arévalos da Comunidad Indígena Àgua Bonita



Ainda explanou sobre as caças e tipos de alimentos e as armas que são utilizadas como o arco e flecha especialmente preparados para cada ocasião, disse que a manutenção da cultura indígena é uma forma de enfrentar o processo de aculturação frente a proximidades dos centros urbanos.



O presidente do Conselho Municipal dos Direitos e Defesa dos Povos Indígenas de Campo Grande – CMDDI, Sander Barbosa em continuidade ao debate abordou temas como as demarcações de terras aqui no Mato Grosso do Sul, além da situação dos processos em andamentos em especial aos casos do Cerro Marangatu em Antonio João e Dois irmão na região de Sidrolândia  ambos emblemáticos por razão  de mortes de indígenas.
Presidente do CMDDI  Sander Barbosa em sua palestra


Ainda citou os artigos 231 e 232 da Constituição Federal e o recente projeto de emenda constitucional PEC 71, além das recentes Comissões parlamentares de inquéritos – CPI do Cimi e CPI do Genocídio cada uma com objetivos distintos.
Acadêmico Rodolfo fazendo perguntas ao presidente do Conselho Municipal dos Direitos dos Indios


Durante os debates respondeu perguntas sobre a documentação Indígena como o RANI – Registro Administrativo de Nascimento, Parque Nacional do Xingu, censo da população do nosso estado/capital, demora nos processos de demarcação, uso de tecnologias diversificadas além de indígenas nas universidades.


Nossos agradecimentos especiais aos acadêmicos (as):
Rosenilda, Rodolfo, Maria Cecilia, Sandra, Vanessa, Eudinéia, Martina, Daniela Taisla, Daniela Nogueira, Arilucy, Vanessa Bartiman, Thais, Thalita