quarta-feira, 31 de julho de 2013

Polícia Federal recebe laudo sobre morte em confronto do índio terena Oziel Gabriel

Imprimir esta página

31/07/2013                     19:22

Arnor Ribeiro



A Polícia Federal (PF) recebeu na segunda-feira 29 laudo de 71 páginas com análises e observações sobre a morte do índio terena Oziel Gabriel, 35 anos, em confronto com forças de segurança pública federal e estadual no dia 30 de maio deste ano durante operação de reintegração de posse na fazenda Buriti, município de Sidrolândia (64 quilômetros de Campo Grande).

Mantidos sob sigilo, os resultados da perícia foram anexados nessa terça-feira (30) ao inquérito da PF aberto para investigar o caso. 

Exames realizados indicam que no corpo de Oziel havia ferimento provocado por arma de fogo. 

A Assessoria de Imprensa da Superintendência da Polícia Federal em Mato Grosso do Sul informou que o laudo entregue esta semana está sendo avaliado pela PF.

Do prazo de 90 dias (já com prorrogação) para o término das investigações, resta ainda um mês para que o inquérito seja concluído.

Nenhum comentário:

Postar um comentário