sexta-feira, 29 de julho de 2011

A IMPORTÂNCIA DO DIA 19 DE ABRIL PARA A MANUTENÇÃO DA CULTURA DOS POVOS INDIGENAS DE MATO GROSSO DO SUL

Imprimir essa página


ARTIGO

As constantes transformações sociais e políticas ocorridas ao longo dos tempos no Brasil sempre ocorreram devido às questões diversificadas de cada cultura e suas problemáticas, houve um tempo em que nosso pais era taxado de sem memória e sem cultura, seria isso uma forma de anarquia ou utopia de alguns segmentos da classe dominante em desprezar as nossas riquezas tradicionais e seculares.

Sendo o pais que na época de seu descobrimento havia uma população de 3 milhões de indígenas aqui vivendo em paz. Com o avanço da colonização por parte da coroa real de Portugal, houve um maciço levante para a ocupação da terra Brasilis (Pindorama maravilhosa) e isso foi feita de forma trágica e dramática devido à resistência dos povos indígenas na defesa de seu patrimônio mais sagrado que é a terra.

Muitas nações indígenas foram completamente dizimadas e muitas outras consideradas extintas ou perdidas pelos sertões e cerrados;, atualmente nos grandes centros do nosso grande Brasil muitos grupos indígenas estão em busca de algum dia tornar a formar seus aldeamentos e viverem felizes com seus pares.

Aqui no Mato Grosso do Sul somos sabedores de que no município de Brasilândia a nação indígena Ofayé sofreu um duro golpe com a construção da hidrelétrica de Porto primavera (Sergio Mota) que teve como pano de fundo o alagamento de suas áreas ocupadas secularmente, esse episódio custou aos Ofayés a sua quase extinção enquanto povos indígenas, atualmente há uma taxa de natalidade muito pequena desse povo o que ainda pode colocá-los no grupo dos quase extintos.

Em nosso estado está ocorrendo um processo muito grande de migração dos diversos povos indígenas para os grandes e pequenos centros e isso nos preocupa em muito, pois acarretará um choque cultural dos mais perversos e dramáticos e conseqüentemente à perda das suas raízes culturais e o seu tradicional modo de viver.

Como o próprio tema diz: A IMPORTÂNCIA DO DIA 19 DE ABRIL PARA A MANUTENÇÃO DA CULTURA  DOS POVOS INDIGENAS DE MATO GROSSO DO SUL é de suma importância pois, este dia sempre será como um marco para a celebração de várias culturas indígenas que apesar dos momentos dramáticos vivenciados ao longo dos tempos resistem bravamente aos avanços da civilização e das grandes e tentadoras tecnologias que mudam rapidamente e rondam as aldeias indígenas, fazendo com que os indígenas deixem de praticar suas rezas e danças sagradas.

Para garantir a manutenção destas culturas é necessário transformar o dia 19 de Abril em projeto de lei para que se assegure oficialmente e dê segurança jurídica por parte do legislativo e do executivo, para que, possamos de fato celebrar o verdadeiro cântico indígena que ecoará através dos tempos e dos milênios eternamente.

Sander Barbosa Pereira, Licenciado e Bacharel em Letras pela UNIDERP-ANHANGUERA, Ativista Indígena, coordenador do Setorial Indígena do PT-Regional/MS e presidente da ONG- indígena Centro Social de Cultura Nativa –MS.





Nenhum comentário:

Postar um comentário